21/10/2019 Mitos e verdades sobre mioma

Tumor benigno do tecido muscular do útero, o problema atinge mulheres no período reprodutivo. Você sabe tudo a respeito? Os médicos não conseguem precisar ainda as causas do aparecimento do mioma, tumor benigno do útero que acomete mulheres em idade fértil – ou seja, dos 16 aos 55 anos, aproximadamente. “Mas existem fatores predisponentes. O…

17/10/2019 5 VERDADES QUE VÃO TE AJUDAR A ENTENDER A IMPORTÂNCIA DE UM RADIOLOGISTA INTERVENCIONISTA

Embora ainda não seja tão conhecida por parte do grande público, a radiologia intervencionista é uma especialidade médica que vem ganhando cada vez mais espaço nos últimos anos, sobretudo, em virtude da eficácia e rapidez dos seus tratamentos.  Em linhas gerais, é possível dizer que se trata de uma especialidade relativamente nova, com resultados surpreendentes e que promove…

16/10/2019 Conheça os benefícios da embolização uterina

Você já deve ter ouvido falar em mioma, um tumor benigno que se aloja no útero. Mas, o que talvez você não saiba é que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente 50% das mulheres na fase reprodutiva apresentam esse problema. Uma nova opção promete tratamento minimamente invasivo, seguro e eficaz que mantém as chances de fertilidade.…

15/10/2019 Mioma pode ser perigoso?

#embolizacaodemioma# https://www.mulherconsciente.com.br/noticias/mioma-pode-ser-perigoso? Muitas mulheres se assustam quando recebem o diagnóstico de mioma no útero por acharem que se trata de um câncer. Mas não há razão para pânico: miomas não se transformam em tumores cancerígenos e não aumentam o risco de ter câncer de colo do útero, o que significa que não representam uma ameaça…

10/10/2019 Conheça a embolização, procedimento moderno para tratamento de mioma e quais os riscos da histerectomia e miomectomia

Procedimento devolve a qualidade de vida para as mulheres acometidas O mioma é um problema que atinge metade das mulheres em idade fértil Foto: Pixabay/ @deborabalves O mioma uterino é um tumor benigno que, segundo estimativas médicas, afeta 50% das mulheres em algum momento de sua vida fértil. O fato de ser um tumor, e de…

09/10/2019 Quando se preocupar com miomas

Nódulos que surgem no útero são comuns em mulheres e estão intimamente ligados aos hormônios. Há tratamentos com medicamentos, DIU e procedimentos pouco invasivos para sua retirada Cirurgia para retirada de mioma é apresentada ao vivo a especialistas em BH Mioma foi responsável pela internação de 12 mil mulheres em SP no ano passado Estima-se…

08/10/2019 Como saber se é mioma

# embolizacaodemioma Os miomas uterinos podem causar diversos sintomas, que variam de acordo com seu tamanho, sua quantidade e localização no útero. Os sintomas mais frequentes são cólicas abdominais e sangramentos fora do período menstrual, porém em alguns casos a presença de miomas não causa sintomas, sendo descobertos apenas durante exames de rotina. Por ser um tumor…

07/10/2019 Sangramento excessivo pode ser sinal de mioma

Tumores benignos no útero são comuns e podem não gerar sintomas, sabia? Muitas mulheres possuem miomas e, às vezes, nem sabem. Eles são tumores benignos do útero que se originam a partir de células musculares do miométrio. O aparecimento e o desenvolvimento deles ocorrem durante o período reprodutivo da mulher, desde a primeira menstruação até…

07/10/2019 Embolização de mioma: especialista explica técnica

# embolizacaodemioma Técnica de embolização é moderna, segura e garante preservação do útero para futuras gestações Bastante comum, o mioma é um tumor quase sempre benigno que afeta o útero mais de 5 a cada 10 mulheres em idade fértil. Relacionado aos níveis do hormônios femininos, o mioma uterino pode provocar muitos problemas.Segundo o radiologista…

03/10/2019 EMBOLIZAÇÃO DE MIOMA UTERINO: TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER!

Espécie de tumor benigno formado a partir do miométrio (músculo do útero), o mioma uterino atinge cerca de 50% das mulheres na faixa dos 30 aos 50 anos. Estima-se que 75% das mulheres desenvolverão esse problema ao longo da vida, ainda que apenas 10% a 20% das pacientes apresentem sintomas.  Felizmente, trata-se de uma doença…