fbpx

INFORMATIVO

16/10/2020 Quais são as evidências científicas para pacientes que desejam a preservação do órgão e com desejo reprodutivo futuro optarem pela embolização para tratamento do mioma uterino?

Síntese da evidência:

Dos trabalhos selecionados para resposta à dúvida clínica, pode-se observar, que diante de pacientes que manifestam desejo de engravidar, a realização da embolização, indicada para o tratamento dos leiomiomas uterinos sintomáticos, não impossibilitou a gestação53,21(A) 52,15,18,57,60(B).

Pacientes submetidas à miomectomia ou a embolização, não demonstram diferença significativa, com relação ao número de gestações obtidas (RRA=17,1% (IC95%: -4,6% a 38,8%))53(A). O mesmo pode ser observado para aquelas submetidas à embolização ou à ligadura laparoscópica da artéria uterina (Risk Ratio=0,9458 (IC95%: 0,578 a 1,546))52(B).

Fonte: Estudo Completo sobre Embolização de Mioma – ANS – Autores diversos

http://www.ans.gov.br/images/stories/Plano_de_saude_e_Operadoras/Area_do_consumidor/Estudo_AMB_EAU_completo.pdf

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre no nosso grupo sobre Mioma
Social Share Buttons and Icons powered by Ultimatelysocial