fbpx

INFORMATIVO

11/12/2020 EMBOLIZAÇÃO – A TÉCNICA

Realizamos a introdução de cateter pela virilha, sob anestesia. Com isso, é possível acessar as artérias que fazem a nutrição do tumor.

Então, são colocadas pequenas partículas que obstruem a circulação do mioma e fazem ele murchar [3].

A paciente dorme no hospital por uma noite para controle da dor, causada pela isquemia gerada pela embolização do mioma. Muitas vezes percebe-se um tipo de menstruação nos dias subsequentes.

Exames subsequentes mostram a redução de volume e controle dos sintomas.

Quanto custa o procedimento?

Lembramos que todo procedimento tem cobertura total pelos planos de saúde e pelo SUS. O paciente não deve pagar nada por ele.

A embolização uterina é um método inovador de tratamento dos miomas. Uma vez que o mioma é nutrido por sangue proveniente de uma artéria, a oclusão desta artéria interrompe o suprimento de sangue ao tumor, causando a sua degeneração. A técnica é minimamente invasiva, ou seja, é realizada sob anestesia local e sem cortes. Consiste em um pequeno furo na virilha, de 2mm, por onde são inseridos todos os catéteres com os quais será realizado o procedimento. Guiado por um equipamento de radioscopia digital, o cirurgião endovascular leva estes cateteres até a artéria que está nutrindo o tumor e nela são injetadas partículas que provocam sua oclusão, interrompendo o fluxo que alimenta a embolização uterina. Desta forma, o mioma se degenera e os sintomas regridem. [2]

No tratamento do mioma uterino, a escolha do agente embolizante é importante, pois a opção por agentes temporários resultará em recidiva da doença. Os agentes definitivos conhecidos e com menor repercussão inflamatória parecem ser as microesferas, podendo estas ser de acrílico ou com núcleo de hidrogel. As mais utilizadas são de 500 a 700 e de 700 a 9000 micra, sendo possível, algumas vezes, associar agentes de menor e maior calibre no mesmo procedimento [3]

Riscos menores incluem dor na virilha. Riscos mais significativos incluem a possibilidade de que as microesferas possam se mover para outras áreas do corpo e bloquear outros ramos arteriais [4]

Geralmente a paciente permanece em observação de 12 a 24 horas após o procedimento. No dia seguinte à embolização a paciente pode andar normalmente. Usualmente recomendamos que fique sem dirigir por 1 dia e sem atividade física intensa por 7 dias [5]

Se você foi diagnosticada com miomas, converse com seu médico. A escolha entre as técnicas é uma decisão conjunta entre a paciente e seu ginecologista.

Fonte: Diversas – https://vitallogy.com/feed/Embolizacao+de+Miomas+Uterinos/1567#:~:text=Guiado%20por%20um%20equipamento%20de,degenera%20e%20os%20sintomas%20regridem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre no nosso grupo sobre Mioma
Social Share Buttons and Icons powered by Ultimatelysocial